dezembro de 2019

Áreas dos olhos: como cuidar?

Você sabia que a área ao redor dos olhos é a região que indica os primeiros sinais de envelhecimento da pele? Por ser mais fina, sensível e sofrer bastante impacto dos fatores externos, essa região precisa de cuidados específicos que, muitas vezes, deixamos passar no dia a dia. Confira abaixo algumas dicas para melhorar a aparência dessa região e evitar o aparecimento de rugas, linhas de expressão, bolsas e olheiras.

1.Hidratação:

Como qualquer outra região dos rosto, a área dos olhos perde água diariamente. O problema é que nesta área isso pode piorar (e muito!) o aspecto das olheiras e deixar corretivo e base marcados ou craquelados.

A pele ao redor dos olhos tem textura e necessidades diferentes do restante do rosto, e por isso é essencial utilizar produtos específicos para ela.

Nós recomendamos o Hidratante para Olhos Moisture Surge, de Clinique,
que hidrata por até 96 horas, além de reduzir as imperfeições do contorno dos olhos. O uso deve ser diário, ok?

2. Massagem e drenagem:

Nem só de bons produtos vive um ótimo skincare. Ao aplicar seu sérum ou hidratante aproveite para massagear e a área, sempre de dentro para fora e em movimentos circulares. A massagem vai ajudar na absorção do produto e potencializar seus efeitos.

Você também pode fazer uma leve drenagem, usando um movimento de dedilhado, para estimular o sistema linfático e reduzir inchaços, melhorando a aparência de bolsas.

Um ótimo aliado para esses movimentos é o Luna Iris, aparelho recarregável de Foreo que, além de fazer uma massagem deliciosa na área dos olhos, traz resultados supreendentes em poucas semanas de uso.

3. Limpeza impecável:

A região dos olhos é uma das que mais sofre com o acúmulo de impurezas. Poluição, lágrimas, suor e maquiagem passam pela área diariamente e podem prejudicar a pele. Opte sempre por produtos oftalmologicamente testados e aplique-os de forma gentil.

O ideal é remover máscaras de cilios e outros produtos à prova d’água utilizando demaquilante específico, reforçando a limpeza com hastes flexíveis de algodão se necessário.

Não se esqueça de sempre finalizar removendo os resíduos de demaquilante, finalizando com água micelar e água corrente, se possível com um sabonete especial para a região do rosto.